Canadá - Vancouver – Downtown

Nosso terceiro dia em Vancouver começou com um passeio a pé pela Sunset Beach, a praia da English Bay perto do nosso hotel. Fomos conhecer o conjunto de esculturas do chinês Yue Minjun batizado de A-Mazing Laughter e depois o monumento “Inukshuk”. Da praia conseguimos tirar umas fotos da Burrard Bridge que é uma das três pontes que cruzam a “False Creek”. Com certeza é a mais bonita delas e serve para ligar “downtown” à região de Kitsilano.

A-Mazing Laughter

Inukshuk

Placa do Inukshuk

Vista da Burrard Bridge

Voltamos ao hotel para pegar o carro e nos dirigimos para o Queen Elizabeth Park que é o segundo parque mais visitado de Vancouver, mantendo dentro de seu perímetro alguns dos mais belos jardins públicos já vistos. O parque possui diversas opções de lazer como quadras poliesportivas e o Bloedel Conservatory, um viveiro repleto de plantas exóticas e flores tropicais. Dessa parte do parque tem-se uma vista privilegiada de Vancouver.

No parque está localizado o excelente restaurante Seasons in the Park.


Queen Elizabeth Park
 
Queen Elizabeth Park

Queen Elizabeth Park

Queen Elizabeth Park


Queen Elizabeth Park

Queen Elizabeth Park

Queen Elizabeth Park

Queen Elizabeth Park
 
Vista de Vancouver
Bloedel Conservatory - Queen Elizabeth Park
Bloedel Conservatory - Queen Elizabeth Park


Queen Elizabeth Park

Em seguida rumamos na direção da região da “False Creek” cujas atrações são o Science World, o BC Place Stadium e a Rogers Arena.

Cabe ressaltar que na região de "downtown" o estacionamento nas ruas é pago, portanto, separe umas moedinhas de dólares canadenses para os parquímetros.

O Science World, que na verdade é um museu de ciências, hoje é conhecido com “Telus World of Science”, depois que a empresa canadense de telecomunicações Telus efetuou uma doação de 9 milhões de dólares ao museu. À noite fica com uma belíssima iluminação, conforme pode ser visto nessa foto retirada da Internet.


Science World

O BC Place Stadium é o estádio da cidade onde são disputados os jogos do BC Lions, time de futebol canadense, estilo “futebol americano” e do Vancouver White Caps, time de futebol, estilo “soccer”. Foi o estádio utilizado nas Olimpíadas e Paraolimpíadas de Inverno de 2010.

Já a Rogers Arena é o ginásio onde são disputados os jogos do time mais famoso da cidade, o Vancouver Canucks, equipe de hóquei que literalmente enlouquece os moradores de Vancouver. Lá também são realizados shows e abriga a loja oficial dos Canucks.

Não entramos em nenhum dos três, mas fui conferir a loja do Vancouver Canucks para adquirir umas camisas para as minhas filhas e para a minha mulher.


Science World e BC Place

BC Place e Rogers Arena

Rogers Arena

BC Place

Rogers Arena

Rogers Arena

Rogers Arena

Como a fome estava chegando, partimos para a região da Gastown, bairro onde nasceu Vancouver. 

Gastown é o lugar número um dos turistas que visitam Vancouver. O cenário nos remete a um bairro de Londres, com diversos prédios de tijolinhos à vista com amplas janelas e postes de metal pintados em preto. 

Na região existem diversas lojas, bares e restaurantes. Aproveitamos e compramos várias lembranças de Vancouver nessa região. 

Outra atração de Gastown é o Steam Clock, famoso relógio à vapor que fica em uma das principais esquinas de Gastown. Achá-lo é uma das tarefas mais fáceis, pois além de ser alto, é visitado por diversos turistas com suas máquinas fotográficas. Fabricado em 1875 e restaurado em 1977, o relógio continua a marcar as horas com a peculiar precisão britânica. Veja o relógio nessa foto retirada do site. www.trekearth.com.


Steam Clock

Vejam nessa outra foto retirada da Internet o relógio no momento em que o vapor é acionado:

Steam Clock

Em Gastown se encontra o primeiro restaurante da rede TheOld Spaghetti Factory. O restaurante é um verdadeiro achado. Comida boa por um excelente preço e com uma cerveja Molson estupidamente gelada.

The Old Spaghetti Factory
 
The Old Spaghetti Factory
 
The Old Spaghetti Factory
 
Molson gelada

Após exploraramos a região da Gastown, minha mulher solicitou encarecidamente que fossemos a um shopping (novidade!!). Partimos, então, para o Pacific Centre Mall, localizado em um quarteirão formado pelas ruas Howe, W. Georgia, Seymour e Dunsmuir.

Após passearmos bastante no shopping, resolvemos deixar o carro no seu estacionamento e curtir um passeio a pé pelas redondezas. Das atrações relevantes próximas, destacam-se a Biblioteca Pública de Vancouver e a Igreja católica Holy Rosary.

O prédio da biblioteca é super original, possuindo uma estrutura eliptica que lembra um pouco o Anfiteatro Flaviano, em Roma (mais conhecido por Coliseu).

Vancouver Public Library


Vancouver Public Library


Vancouver Public Library


Holy Rosary Cathedral

Para encerrar o dia resolvemos conhecer a Granville Island que, como o própiro nome diz, trata-se de uma ilha, onde está localizado o mercado público - Granville Island Market, onde contam diversas barracas que vendem produtos frescos e deliciosos. Na ilha também existem diversos bares e restaurantes. Após explorarmos o mercado paramos no Bridges Restaurant para comer alguma coisa. O visual do restaurante é bacana, com belas vistas da Burrard Bridge, da Granville Bridge e da False Creek.

Granville Island - vista da False Creek

Granville Island - vista da Burrard Bridge

Granville Island - vista da Granville Bridge

Granville Island Market

Bridges Restaurant

Veja no mapa abaixo a localização dos lugares visitados nesse terceiro dia de nossa viagem à Vancouver:

Mapa Downtown

 No próximo post comentarei a nossa viagem de trem à Whistler.

Comentários

  1. Lindas fotos! Adorei! Seu blog está de parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Olá, Cláudio... tudo bem?

    Encontrei seu blog ao pesquisar sobre Vancouver.

    Li sua série de post sobre a cidade e fiquei curioso sobre o roteiro deste terceiro dia.

    Vi que vocês conheceram bastante coisa neste dia. Imagino que para ter ido em tantos locais em um único dia vocês tenham viajado no verão, estou certo?

    Irei para lá no dia 25/set e gostaria de fazer esse roteiro em um dia tbm, mas não sei se dará tempo.

    Abraço e parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita Thyago,

      Estivemos em Vancouver de 5 a 8 de setembro de 2011. Neste post comentamos o nosso 3º dia em Vancouver (07/09/2011). No dia 08/09 fizemos o passeio de trem para Whistler!

      Como ainda era verão, o por do sol era por volta das 21h:15min.

      Para dar tempo de fazer tudo isso em um dia sugiro estar de carro e acordar cedo.

      Grande abraço, sucesso na viagem e volte sempre!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas