Bahia – Ilhéus


A capital do cacau foi uma bela surpresa para mim. Cidade cheia de história e com dezenas de atrações religiosas e culturais possui, ainda, belíssimas praias como a do Sul, dos Milionários, Back Door e Batuba. Aliás, Ilhéus é a cidade baiana com o litoral mais extenso.

Ilhéus foi fundada em 1534, tornando-se município em 1881. É conhecida mundialmente por ambientar os romances de Jorge Amado, como Gabriela, Cravo e Canela.

Ilhéus


Existem voos para Ilhéus, sendo o aeroporto Jorge Amado o principal portão de entrada da cidade, não só para quem vai se hospedar lá, mas também para os que vão para Itacaré, Península do Maraú, Canavieiras e Ilha de Comandatuba. A pista do aeroporto fica bem próxima ao mar, sendo necessária a instalação de um sinal luminoso na avenida que passa perto de sua cabeceira para impedir o trânsito durante os procedimentos de pouso e decolagem, lembrando muito o aeroporto Princess Juliana de St. Maarten no Caribe.

Aeroporto Jorge Amado

Avenida próxima ao aeroporto

Avenida próxima ao aeroporto

Ilhéus da janela do avião

Passeando pelo Centro de Ilhéus encontramos algumas das atrações mais tradicionais da cidade.

A primeira delas é a Casa de Cultura Jorge Amado, inaugurada em 1988 em uma casa que foi residência da família Amado e onde Jorge iniciou a sua carreira de escritor. A Casa de Cultura abriga em seus grandes salões a Fundação Cultural, a Academia de Letras e o Instituto Histórico de Ilhéus. As visitas guiadas conduzem ao quarto do escritor, onde estão expostas as capas de edições de sua obra, fotos antigas e objetos pessoais. Endereço: Rua Jorge Amado, 21.

Casa de Cultura Jorge Amado

Do outro lado da rua encontramos uma sorveteria chamada Ponto Chic, onde experimentamos um dos melhores sorvetes das nossas vidas. Vale a pena conferir. Conseguimos uma foto do local no site http://www.flickr.com/photos/jgustavoam/2241775875/in/photostream/.

Sorveteria Ponto Chic

Após umas bolas de sorvete fomos conhecer a Catedral de São Sebastião, localizada na Praça Dom Eduardo, cuja construção se iniciou em 1931.

Catedral de São Sebastião

Catedral de São Sebastião

Outro local bastante visitado na Praça Dom Eduardo é o Bar Vesúvio, sendo um dos mais antigos estabelecimentos comerciais da cidade (fundado em 1915). O bar ficou famoso por conta da obra de Jorge Amado e foi tombado pelo município. Lá existe um estátua de Jorge Amado sentado em uma de suas mesas. Minha fotos no local não ficaram boas, mas consegui algumas na Internet no site http://www.flickr.com/photos/jgustavoam/2241775875/in/photostream/.

Bar Vesúvio

Jorge Amado no Bar Vesúvio

Finalmente, partimos para o Bataclan, antigo bordel frequentado pelos "Coronéis do Cacau", que funcionou até os anos 40, tornando-se célebre por fazer parte da obra Gabriela de Jorge Amado. Sua proprietária era Antônia Machado, cujo nome, em Gabriela, ficou conhecido como "Maria Machadão". Pode ser visitado diariamente e seu espaço é utilizado para lançamento de livros, vernissages e eventos sociais. O "quarto" de Maria Machadão foi reeditado com móveis da época.

Bataclan

Existem outras atrações no centro de Ilhéus, mas infelizmente não tivemos tempo para conhecê-las. Voltaremos para uma estadia maior.

Após esse pequeno passeio pelo centro da cidade, fomos conhecer a nossa pousada – Pousada Vitória, fazer o checkin e partir para o almoço.

A pousada está localizada na Praia do Sul, dentro de um Loteamento fechado a 4 km do centro histórico de Ilhéus. Endereço: Rodovia Ilhéus Olivença, km 1 - Sítio São Paulo - Jardim Atlântico.

Pousada Vitória

Após realizarmos o nosso checkin resolvemos almoçar no distrito de Olivença localizado a 18 km de Ilhéus, famoso por suas belas praias. Assim aproveitaríamos para conhecer as praias ao sul da cidade, em especial as de Back Door e Batuba.

Olivença

Considerada umas das mais bonitas praias da região, Batuba é frequentada por surfistas devido às suas grandes ondas, porém, os bares e a beleza natural tornam a visita obrigatória para todos os turistas.

Paramos em um local chamado Batuba Beach, um complexo na praia composto por restaurantes, quiosques, lojas de conveniência, artesanato indígena e muita música.

Batuba Beach



No próximo post comentaremos como foi a nossa estadia em Itacaré. Até lá!



Comentários

Postagens mais visitadas