São Paulo - Comes e Bebes


Chegamos a São Paulo depois das 21h. Até pegar o táxi, chegar no hotel, fazer check-in, subir para o quarto, já eram mais de 22h e o estômago estava quase colando nas costas... Escolhemos um restaurante a umas cinco quadras do hotel, o Ladrillo Parrilla Argentina.



O restaurante, que é famoso por ter no cardápio as saborosas carnes argentinas, participa do Restaurant Week, evento gastronômico onde você tem a chance de comer nos melhores restaurantes da cidade pagando R$ 31,90 no almoço e R$ 43,90 no jantar. E isso pelo trio entrada + prato principal + sobremesa. Já pensou? 



 

O Ladrillo tem um ambiente agradável e aconchegante. Na quinta-feira, quando fomos, tinha também música ao vivo. Um saxofonista tocou de MPB a rock. As bebidas são pagas a parte. Meu marido queria experimentar a cerveja uruguaia Patricia, mas naquele dia não tinham para servir. Então escolheu a tradicional argentina Quilmes. 





Escolhemos a empanada de carne de entrada. Nosso prato principal foi ojo de bife acompanhado por arroz Ladrillo (com nozes e arroz selvagem) e purê de batatas. De sobremesa banana grelhada com canela acompanhada com sorvete. E eu tenho um defeito: nem sempre tenho a alma zen necessária para tirar a foto ANTES de abocanhar a sobremesa e aí está! Meia banana caramelada com sorvete... Desculpaê!




O Ladrillo Parrilla Argentina fica na av. Pavão, 454, esquina com a rua Inhambu em Moema.

Voltamos a pé para o hotel. Uma caminhada bem gostosa pelas ruas de Moema.

Ah, por último, mas não menos importante: se você quer aproveitar o Restaurant Week fica ligado, porque o evento vai até o dia 16 de setembro de 2012. São mais de 250 restaurantes, bares e cafés participantes. Corre lá pra não perder essa!

Na sexta-feira, dia 7 de setembro, depois do passeio que fizemos pelo Parque Ibirapuera (de que vou falar em um próximo post), fomos ao Shopping Ibirapuera, que é colado no nosso hotel, para fazer umas comprinhas. Aproveitamos e almoçamos por lá mesmo, no Andiamo.

O Andiamo é uma cantina italiana que oferece pratos saborosíssimos! Já tinha jantado lá em outra oportunidade que estive em São Paulo e resolvi repetir a dose. 





Pedimos de entrada duas bruschettas - uma tradicional e a outra com parma.

 

Na hora do prato principal, meu marido foi de medalhão de filé com penne ao molho branco e limão e eu escolhi o paillard de filé com fettuccine ao molho Alfredo. Os dois pratos muito gostosos e com excelente tempero. 




Veja o cardápio do Andiamo:


A cantina fica no espaço gastronômico do Shopping Ibirapuera, piso Jurupis, loja 38.

No final de tarde do dia seguinte, demos outra passada no Shopping (mea culpa!). Desta vez para um sorvete no Freddissimo, gelateria paulista inaugurada em 1996. Hoje tem várias lojas em São Paulo e em alguns estados do Brasil e até uma em Cincinnati, no estado americano de Ohio (!).



À noite estávamos salivando por uma boa pizza e ficamos na dúvida entre comer na Pizzaria Bráz ou na Speranza.

Nosso critério de desempate foi a total ausência de critério. Cansamos de ficar pesando os prós de cada uma – não encontramos “contras” - e simplesmente escolhemos a Speranza de Moema e ponto. A pizzaria Bráz fica para uma próxima vez.

A Pizzaria Speranza é um daqueles lugares tradicionais de São Paulo. Com vários prêmios ao longo de sua história, a casa, com mais de 50 anos de existência, oferece um vasto cardápio da culinária italiana. Os fundadores vieram de Nápoles na década de 1950 e com eles trouxeram a receita de uma massa de pizza cujo sabor fica gravado no paladar de quem a experimenta. A primeira pizzaria foi aberta no Bixiga, bairro onde os imigrantes italianos se instalaram, e, mais tarde, em 1979, inauguraram a filial de Moema. 







Não era nossa primeira vez no Speranza e, com exceção de uma única vez, todas as outras encontramos a casa lotada e tivemos que esperar por uma mesa. O atendimento é organizado e, enquanto espera, pode ficar no bar, bebendo alguma coisa.

Uma vez sentados, começa a peleja para a escolha dos sabores da pizza. Tudo tem cara de gostoso! No final das contas optamos por metade de calabresa especial e metade de palmito. Uma delícia só! 




Marido queria beber cerveja. E eu queria vinho. Escolhi ¼ de garrafa do cabernet sauvignon chileno Carmen e fui feliz. Ele escolheu a cerveja Bierland Vienna Lager, premiada com medalha de prata no European Beer Star em 2011. Apesar do nome é fabricada em Blumenau, Santa Catarina.




Nunca consegui entender porque eu, tão amante da cozinha italiana que sou, ainda não havia experimentado o Tiramisú. Pois aquele era o dia. Desta vez fui comedida. Respirei fundo, me recompus e consegui tirar a foto antes de atacar a sobremesa! Progresso!!!!

Meu marido escolheu um folheado de maçã, com castanhas e sorvete de creme que, segundo ele, estava muito saboroso. Mas eu só tinha olhos pro meu “tiramisuzinho” adorado... A sobremesa é u-ma-de-lí-ci-a! Mas ainda não é mais gostosa que o Crème Brulée do Olimpo.



A Cantina e Pizzaria Speranza de Moema está na av. Sabiá, 786.

Sábado à noite, nosso último dia em Sampa, ligamos para um amigão nosso, padrinho de casamento e comissário de bordo. Queríamos confirmar se ele estava na cidade para uma cervejinha e um bate papo. Marcamos de ir ao Dedo de Moça, um boteco bem transadinho em Campo Belo. Quando descemos do táxi, me encantei pela fachada toda envidraçada do bar ao lado, o Sr. Mostarda Bar e Cia. e mudamos de destino.

O Sr. Mostarda está localizado na rua João Dias de Souza com a República do Iraque e é decorado com faixas de vários times de futebol do mundo todo e tem televisores espalhados pelo bar para que pessoal acompanhe as partidas de futebol.


Entre uma Original e outra, beliscamos o pastel misto (de carne, queijo, frango com catupiry e carne seca com gorgonzola) e o filé mignon aperitivo gorgonzola. Tudo muito bem feito e saboroso.



E assim terminamos nosso passeio a São Paulo: com cerveja gelada, boa conversa e muita risada. 

Comentários

Postagens mais visitadas