Buenos Aires – Comes e Bebes


Como informamos nos posts anteriores, trataremos neste post dos restaurantes que recomendamos na capital argentina.





A região da Recoleta é bem generosa quando o assunto é comida. Um lugar muito legal é o complexo de restaurantes denominado La Recova de Posadas, localizado no final da Calle Posadas, embaixo do viaduto onde começa a av. 9 de julho. Lá você encontra excelentes opções para um belo jantar a dois ou em família.


O local surgiu como uma maneira de reativar uma área bastante degradada em virtude das intervenções humanas. Lá, além dos restaurantes, podemos encontrar locadoras de automóveis, posto de gasolina, concessionária de automóveis e lojas da Havanna (alfajores) e da Winery (vinhos).

Quanto aos restaurantes, existem opções para todos os gostos – quem é fã de comida japonesa pode se deliciar no Sushiclub, os amantes da boa parrilla argentina podem ir ao El Mirasol ou ao Piegari Vitello e Dolce e os fãs da cozinha italiana têm diversas opções: Piegari Cocina Italiana, Il Gatto ou o La Stampa. Para quem não dispensa a sempre saudável cozinha mediterrânea, o Sorrento é a sua casa.



Após alguns minutos decidindo em qual dos restaurantes iríamos jantar, optamos pelo italiano La Stampa.





O nosso pedido consistiu em espumante para os adultos e água para os menores, uma pizza, macarrão ao molho Alfredo, espaguete com frutos do mar e lasanha. Tudo estava muito saboroso, ou seja, recomendamos!




Para quem gosta de uma boa empanada, recomendamos as do já tradicional El Sanjuanino, localizado na calle Posadas 1515, bem próximo ao nosso hotel.


É claro que existem outros pratos no pequeno e apertado restaurante, mas quase todos vão ao local para saborear as famosas empanadas de carne, carne picante, queijo e presunto, frango, napolitana, de verdura, roquefort e “choclo” (de milho)...




Uma boa dica para quem está com pressa e encontra o restaurante lotado é pedir as empanadas para viagem. Além de rápido, sai mais barato do que para aqueles que as consomem no local!



E por falar em empanadas, um lugar que recomendamos para apreciar a tradicional iguaria argentina é o La Querencia, restaurante de comida regional que, além da excelente comida, possui uma das empanadas mais gostosas que já comemos! Detalhe: são mais baratas do que as do El Sanjuanino.

Resolvemos almoçar duas vezes no La Querencia e comemos de tudo um pouco: empanadas, bife de chorizo, milaneza a cavalo,... Também recomendamos!





Continuando na cozinha regional, jantamos em nossa última noite em mais um restaurante tradicional da Recoleta – Rodi Bar (Vicente Lopez 1900), cuja especialidade são as famosas milanesas.

O local é bastante agradável, os garçons são bem simpáticos, a comida é super deliciosa, ou seja, uma excelente relação custo/benefício. Experimentamos as milanesas de carne e de frango, acompanhadas da boa e velha cerveja Quilmes e ficamos com um gostinho de “quero mais”.




Para finalizar o circuito gastronômico da Recoleta, sempre recomendamos um almoço no Cafe Victoria, restaurante considerado turístico por muitos blogueiros, mas com uma das melhores cozinhas da região.




Dessa vez não foi diferente: pedimos bife de chorizo e milanesa de frango para os adultos e lomito e hamburguesa para as adolescentes. Tudo muito saboroso!





O Cafe Victoria está estrategicamente localizado na calle Ortiz em plena praça da Recoleta, quase esquina com a calle Quintana.


No centro almoçamos no El Palacio de Las Papas Fritas na calle Lavalle. O restaurante é famoso pelas suas clássicas papas soufflé, batatas fritas macias e infladas que são uma delicia.

Pedimos bife de chorizo e ojo de bife, acompanhados com as papas soufflé, mas não estava assim tão gostoso como nas oportunidades anteriores, além de termos que aturar um garçom completamente perdido e antipático, mas mesmo assim trata-se de um clássico!





Em matéria de restaurantes o bairro dá um show. Experimentamos o Crizia, localizado na calle Gorriti 5143 e podemos dizer que é um dos melhores de Buenos Aires. A carne é suculenta, as bebidas perfeitas e o atendimento impecável!


Outro restaurante famoso do bairro é o La Cabrera que agora abriu uma filial ao lado – o La Cabrera Norte. Efetuamos uma reserva no La Cabrera Norte pelo site do guia oleo e quando chegamos já havia uma enorme multidão esperando a sua vez. Assim, recomendamos que vocês SEMPRE efetuem a reserva antes, pois poderão ficar esperando horas para serem atendidos.

A casa tem uma decoração meio rústica com alguns pratos nas estantes, objetos antigos nas paredes e aviões pendurados no teto. Próximo a nossa mesa uma reportagem de uma revista brasileira emoldurada na parede falava das receitas das cozinheiras de Jô Soares e Silvia Poppovic (???).




Pedimos ojo de bife que vinha acompanhado de salada e de alguns outros acompanhamentos que escolhíamos na hora após serem a nós apresentados em um carrinho pelo garçom. Esses acompanhamentos eram dispostos em potinhos e quase nenhum deles nos agradou. Para incrementar a refeição solicitamos uma porção extra de “papas fritas”.




Quanto a carne posso dizer que foi a pior que comi em Buenos Aires – cheia de nervos e com gosto de absolutamente nada! Os tais acompanhamentos não tem nada de extraordinário. Só se salvaram as “papas fritas” e o vinho.

Apesar da fama do La Cabrera Norte, não gostamos muito da comida. Existem diversos restaurantes com uma comida mais saborosa, com menos gente e mais em conta, mas se você quiser entrar na onda da maioria e experimentar, fica aí dica!


Em San Telmo sempre optamos em almoçar no Gran Parrilla Del Plata localizado na esquina da Calle Chile com a Calle Peru.

A comida é farta e saborosa, a cerveja é que não estava muito gelada, mas nada que um balde de gelo não resolvesse! Sempre saímos de lá satisfeitos.





Falar de comida em Puerto Madero é um pouco complicado, pois lá existem diversas opções de restaurantes, mas podemos recomendar alguns, como Bahia Madero, Cabaña Las Lilas e Siga la Vaca.

O Cabaña Las Lilas é um dos melhores restaurantes da capital Argentina. Dessa vez não tivemos a oportunidade de comer lá, mas sempre recomendamos!

O Siga la Vaca é um restaurante no esquema de rodízio, sendo que no almoço o valor é menor do que o do jantar, exceto aos sábados e domingos.

Para uns drinks, o Spell Cafe é a grande pedida de Puerto Madero, com suas mesas ao ar livre, bebida gelada e bons petiscos.


Bem, essas são as nossas considerações sobre os locais para se comer e/ou beber bem em Buenos Aires. Espero que nossa contribuição tenha sido útil para os nossos amigos do blog, mas como trata-se de uma grande metrópole, existem outras dezenas de boas opções de bares e restaurantes na capital argentina que também devem ser exploradas por todos.


Comentários

Postagens mais visitadas