Orlando – Sea World

O Sea World é o parque de Orlando ideal para aqueles que não são fãs das montanhas-russas presentes nos demais parques da cidade.

Lá os visitantes têm a opção de assistir aos vários espetáculos que passam longe da velocidade e das alturas.

Mas os que gostam dessa combinação também não ficam frustrados: o parque conta com duas montanhas-russas bem radicais, além de uma outra com uma respeitável queda dentro d’água.








Logo na entrada podemos perceber que a “orca Shamu” é a principal atração do parque, tendo sua decoração principal inspirada no cetáceo. Uma pequena Shamu também está à disposição dos visitantes para umas fotos que valem como uma boa lembrança do parque.



Começando pelas atrações para os adeptos das fortes emoções, a primeira atração avistada é a mais famosa: a Manta, montanha-russa do tipo “flying coaster” (voadora), onde os passageiros são acomodados virados para baixo em um carrinho com um formato de uma arraia gigante que pode chegar aos 90 Km/h. Minhas filhas foram umas 5 vezes na Manta!





Conectado à Manta, o “Manta Aquarium” é uma área onde podemos observar diversos tipos de arraias, assim como peixes e demais criaturas aquáticas.



Uma parte bem legal desse espaço é uma espécie de tanque onde os visitantes podem fazer parte desse mundo submarino, sendo ideal para aquela foto-mico padrão.



Outra montanha-russa bem procurada pelos amantes da emoção é a Kraken, onde os visitantes viajam a 100 km/h pendurados a 45 metros de altura.



Também emocionante é a “Journey to Atlantis” que consiste em uma mistura de montanha-russa com algumas quedas radicais e molhadas.




Na mesma área funciona outro aquário do parque – o “Jewels of the sea”, onde podemos observar uma grande variedade de criaturas submarinas.



Outra atração bem legal do Sea World é o “Shark Encounter”, onde os visitantes podem encarar os tubarões de perto através de um grande tubo de acrílico. Lá também podemos encontrar enguias e barracudas. Para quem gosta de uma boa foto mico, pode aproveitar e tirar uma "dentro da boca do tubarão!"





No “Wild Arctic”, atração bastante procurada pelos visitantes, entramos em um simulador de helicóptero que percorre a região do Ártico até o pouso na estação de pesquisa denominada "Base Station Wild Arctic". 

Após o término do passeio os visitantes são contemplados com uma belíssima área que simula as condições do Ártico, onde as atrações são as belugas, as morsas e os ursos polares.



Para as crianças menores o parque conta com uma área infantil denominada “Shamu´s Happy Harbor”, com vários brinquedos para a turminha miúda, incluindo uma pequena montanha-russa.




Para quem gosta de altura, o parque conta com a “Sky Tower” onde o visitante pode ter uma visão completa do Sea World.

Quando estivemos por lá em fevereiro pudemos observar que estava sendo construída uma nova atração do parque – “Antartica - Empire of the Penguin”, recém inaugurada meses atrás e que tem como tema os pinguins.

Mas o grande charme do Sea World são os seus grandes espetáculos com seus habitantes mais conhecidos – as orcas, golfinhos e leões marinhos.

O primeiro espetáculo que assistimos foi o "Clyde and Seamore Take Pirate Island” com 25 minutos de duração e que conta com cenas muito engraçadas envolvendo leões marinhos, lontras e morsas. Durante o espetáculo pessoas da plateia são convidadas a participar de algumas brincadeiras com os animais.





Outro espetáculo deslumbrante é o “Blue Horizons”, que mistura golfinhos, pássaros e acrobatas em um lindo show teatral de tirar o fôlego dos espectadores. Imperdível!





Mas não podíamos deixar de assistir aos shows da principal atração do Sea World – Shamú! Primeiro fomos conferir o espetáculo “One Ocean”, onde diversas orcas encantam os espectadores com sua beleza, tendo um cenário de três andares, telas de LED e jatos de água que chegam a uma altura de 15 metros, embalados por uma excelente trilha sonora.




São dezenas de saltos que nos deixam maravilhados com a desenvoltura dessas adoráveis baleias.




O momento mais aguardado pelos espectadores que sentam nas cadeiras mais próximas à água é o famoso banho que as orcas dão sem piedade. É muita água!



Mas para quem admira essas baleias e gosta do bom e velho rock’n roll o espetáculo “Shamu Rocks” é a grande pedida. Trata-se de um espetáculo sazonal que junta um ótimo show das baleias com uma trepidante trilha sonora com clássicos do rock. Eu achei o maior barato!








Comentários

Postagens mais visitadas