Canadá – Ottawa

Para quem está hospedado em Montreal, um passeio que consideramos imperdível é ir até a província vizinha de Ontario e conhecer a capital canadense – a linda Ottawa. De carro são apenas 2 horas de viagem, sendo ideal para aquele tradicional bate e volta.




Ottawa foi escolhida a capital do Canadá por conta de sua localização privilegiada, bem na divisa entre as províncias de Quebec e de Ontario, as principais do país, bem às margens do Rio Ottawa.

A parte turística de Ottawa é bem pequena, sendo possível conhecer as principais atrações a pé. Estacionamos o nosso carro na York Street.

O estacionamento nessa região é pago de segunda a sábado das 8h às 17h30min e custa 25 centavos de dólar canadense por 5 minutos, sendo o período máximo de 2 horas, que sai por 6 dólares canadenses.

O sistema é bem parecido com o de Quebec City, onde os motoristas devem se dirigir aos totens localizados na calçada, adquirir o bilhete e deixá-lo no carro. As máquinas aceitam moedas de 25 cents, 1 dólar e 2 dólares canadenses. Cartões de crédito também são aceitos.


A primeira parada na cidade é no Major’s Hill Park, um belíssimo parque com trilhas, muito verde e de onde temos excelentes vistas da cidade.






Do parque podemos visualizar dois dos cartões postais de Ottawa: o Chateau Laurier e o Parlamento do Canadá.







De lá também podemos observar o canal Rideau que atravessa a capital canadense, o rio Ottawa e a cidade vizinha de Gatineau, com seu imponente “Canadian Museum of Civilization”.




O canal Rideau é uma grande obra de engenharia realizada pelos militares no século XIX, tendo 202 quilômetros que ligam o rio Ottawa até o Lago Ontario. Foi criado para defender a cidade de ataques que nunca se realizaram. Hoje tornou-se um espaço de recreação, com vários barcos oferecendo passeios antes da chegada do inverno, quando se transforma em uma imensa pista de patinação no gelo.




Um local que rende muitas fotos é o histórico hotel “Chateau Laurier”, construído de 1909 a 1912 e que impressiona pela sua beleza.



Perto dali fica o não menos famoso Parlamento canadense, com seus imponentes prédios – o “Parlament Hill”.





No dia que estivemos em Ottawa estava acontecendo um tradicional evento destinado ao público com mobilidade reduzida (Rolling Rampage on the Hill) exatamente no Parlamento, o que nos impossibilitou de conhecer o seu interior.

Existem vários tipos de corridas e, quando chegamos estava acontecendo uma de bicicletas com 10 quilômetros de extensão.






Voltando em direção ao Major Hill’s Park, resolvemos caminhar até a Sussex Drive e conhecer o Museu de Belas Artes do Canadá com sua impressionante escultura de aranha localizada em sua entrada.




Bem em frente ao Museu está localizada a Catedral de Notre Dame de Ottawa que tem um belíssimo interior.







Resolvemos voltar até a York Street para renovar o cartão de estacionamento e decidimos explorar um pouco a região central da cidade, mais precisamente o ByWard Market, um distrito que compreende o prédio principal do Mercado e diversos outros estabelecimentos localizados nas ruas George, York, ByWard e William.




Como já estava na hora do almoço tentamos comer no “The Keg”, localizado na York Street, porém estava fechado. Partimos então para a William Street e almoçamos na “Vittoria Trattoria”. Saboreamos uma bruschetta e uma pizza. Tudo muito gostoso.




Terminado o nosso almoço, caminhamos um pouco mais pela William Street e nos deparamos com uma filial do “Beaver Tails”, loja de doces cuja especialidade é a famosa “cauda de castor”. Como em Quebec City havíamos experimentado o de chocolate com banana, dessa vez pedimos o de maçã e canela.




Como precisávamos chegar cedo em Montreal, pois iríamos voltar para os Estados Unidos no dia seguinte, resolvemos pegar o nosso carro e partir. Mas antes atravessamos a “Alexandra Bridge” que separa as cidades de Ottawa (província de Ontario) e Gatineau (província de Quebec) e ir conhecer o “Canadian Museum of Civilization” em Gatineau.



Não entramos no museu, mas apreciamos a bela vista da cidade de Ottawa, simplesmente deslumbrante!







O mapa a seguir mostra a localização das principais atrações citadas no post:



No próximo post comentaremos a “Route des Vins”, uma rota turística que passa por pequenas cidades ao sul da província de Quebec onde estão localizados diversos vinhedos e que estava em nosso caminho rumo à Vermont nos Estados Unidos. Até lá!



Comentários

  1. Ótimo post. Eu e minha família iremos para lá em julho e ajudou muito!
    Sila Ramos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal!

      Acho que o objetivo principal de um blog é ajudar quem quer realizar a mesma viagem....

      Grande abraço e volte sempre!

      Excluir
  2. Olá, adorei as dicas! Estou indo para o Canada no final de junho com os meus pais e eu sou a responsável por montar nosso "roteiro" rs, seu post me ajudou bastante! E as fotos são lindas, deu ainda mais vontade de conhecer a cidade! Obrigada

    Mariana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita Mariana.

      O Canadá é um país muito bonito. Se der tempo vá até a costa oeste e conheça as Montanhas Rochosas Canadenses. Não existe nada mais bonito!

      Grande abraço e volte sempre!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas